Ir para o conteúdo

Vantagens da infraestrutura como código – IaC

Entregar de maneira contínua, ágil e de forma eficiente. Com estas características, a transformação digital exige das áreas de TI um novo patamar de produtividade. O surgimento das técnicas de Infraestrutura como Código, também conhecidas como IaC, se encaixa entre estas novas exigências. 

O IaC trata a infraestrutura como uma etapa no desenvolvimento  de software e tem bastante relação com o surgimento do DevOps e dos conceitos de entrega e integração contínua (CI/CD). Agora é possível criar código também para configurar ambientes em que suas aplicações irão operar. 

>> Saiba mais sobre a relação do Cloud Computing com o DevOps aqui!

As rotinas de trabalho são otimizadas, tornando os desenvolvedores administradores dos sistemas locais (geralmente containers ou máquinas virtuais de desenvolvimento ou testes). Áreas de desenvolvimento e infraestrutura unem conhecimentos, impulsionando entregas de modo automatizado.

Dessa forma, fica mais fácil para o desenvolvedor incorporar o processo de instalação e configuração de um novo ambiente para a sua aplicação, fato que garante mais qualidade e agilidade, possibilitando que a operação se repita em outros ambientes.  

Devido a toda essa automatização, toda vez que o desenvolvedor liberar o código, o IaC poderá dar início a testes para certificar que a aplicação funciona da forma correta e integrada ao código principal. Com tudo testado e validado, o software que for produzido terá baixa taxa de retrabalho, diminuindo tempos que podem ser investidos em outras melhorias.  

Além destas vantagens diretas, a eficiência operacional como um todo também está garantida com a Infraestrutura como Código. Afinal, o IaC garante o controle de ambientes complexos e heterogêneos, como estes de desenvolvimentos de software. 

Com a união entre a automatização e o controle, é possível prever se existirá variação dos recursos, e sua alocação de maneira automatizada. Estes benefícios somados à diminuição dos chamados de TI (entre áreas de desenvolvimento e infraestrutura) corroboram para um ganho financeiro. 

Por manipular scripts de automatização, o IaC é capaz de vincular os  processos de negócio da empresa a sistemas de TI, sendo assim também bastante utilizado na automatização dos processos de negócios.

Para implementar o IaC na sua empresa, no entanto, é preciso observação e tempo. As inúmeras práticas que podem ser integradas pelas equipes DevOps levam tempo para serem absorvidas e, ainda, precisam estar de acordo com a cultura e a organização da sua empresa. 

São várias, também, as ferramentas que ajudam na implementação IaC, sendo o Terraform um dos mais populares. A melhor prática tem mostrado o estabelecimento de esteiras DevOps vinculadas a Containers, sendo o Helm/Kubernetes a plataforma preferida das equipes. A ferramenta mais usada de automação da interface entre desenvolvedores e infraestrutura é o Jenkins. 

Se o seu objetivo é, de fato, implementar a Infraestrutura como Código, então seu primeiro passo é  fazer uma avaliação das necessidades da sua empresa, entendendo onde ela quer chegar com essa implementação.  É importante também que seu ambiente de infraestrutura esteja preparado para utilização de ferramentas DevOPs, como o acesso através de RestAPI.

Clique e saiba mais como a Matrix pode te ajudar no estabelecimento de esterias DevOps e integração IaC!


André Tellini
Gerente de Produtos

Compartilhe